14 de setembro de 2020

Plano Diretor de Tecnologia para Cidades Inteligentes de Vitória – PDTCI

A Prefeitura de Vitória concluiu a elaboração do Plano Diretor de Tecnologia para Cidades Inteligentes (PDTCI). O documento estabelece um contexto geral de como lidar com a tecnologia em uma cidade inteligente e elenca os desafios e soluções a serem implantadas no município a partir de um planejamento estruturado em todas áreas.

Com o PDTCI, o município poderá direcionar otimizar os investimentos em tecnologias para cidade inteligente, orientado para evitar o desperdício financeiro com aquisições de tecnologias redundantes; compartilhar a infraestrutura de dispositivos, telecomunicações e informática entre diversas aplicações; seguir padrões consolidados; e adotar soluções abertas e customizáveis.

Além disso, o documento estabelece as necessidades de tecnologia para a cidade inteligente de Vitória, utilizando os conceitos da visão baseada em recursos (RBV – Ressource Based View), o qual busca encontrar o distanciamento (gap) entre as vocações e intentos estratégicos manifestados pela Prefeitura e a situação atual da tecnologia da cidade de Vitória com vistas na maximização e no desenvolvimento de suas vocações e intentos estratégicos.

Origem do PDTCI

O Plano Diretor de Tecnologia de Informação de Cidades Inteligentes (PDTCI) é um instrumento estabelecido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) em sua Cartilha das Cidades, que sintetiza dados do estudo “Internet das Coisas: Um Plano de Ação para o Brasil”.

Segundo a proposta da cartilha do BNDES, o PDTCI deve elencar todos os desafios a serem endereçados para que, a partir de uma visão ampla da demanda da população e da visão preconizada pela Prefeitura da cidade inteligente, estas soluções possam ser implantadas, sempre de acordo com um planejamento bem estruturado.

Acesse aqui o PDTCI de Vitória